Artrite reumatoide: cientistas desenvolvem vacina experimental

20 de novembro de 2021 4 mins. de leitura
Estudo agora necessita de parcerias para analisar segurança durante ensaio pré-clínico

Conheça o maior e mais importante evento do setor de saúde do Brasil.

Pesquisadores americanos da The University of Toledo (UToledo), no estado de Ohio, publicaram um artigo na revista Proceedings of the National Academy of Sciences of the United States of America divulgando a produção de uma vacina contra artrite reumatoide. Por enquanto, a formulação ainda está em estágio experimental e os cientistas procuram parceiros na indústria farmacêutica para realizar estudos e ensaios pré-clínicos para avaliar a sua segurança.

A artrite reumatoide é uma doença autoimune, termo usado para descrever casos em que o sistema imunológico ataca o próprio corpo, afetando múltiplas articulações ou órgãos internos. 

As causas ainda são desconhecidas, o que dificulta a descoberta de remédios. A doença pode se desenvolver independentemente do gênero ou faixa etária, porém, é mais comum entre mulheres a partir dos 50 anos.

A artrite reumatoide é uma doença na qual o sistema imunológico ataca o próprio corpo. (Fonte: Lightspring/Shutterstock/Reprodução)
A artrite reumatoide é uma doença na qual o sistema imunológico ataca o próprio corpo. (Fonte: Lightspring/Shutterstock/Reprodução)

O principal tratamento para a artrite reumatoide são remédios imunossupressores, apesar da sua capacidade de diminuir as dores, essas opções causam o enfraquecimento do sistema imunológico, deixando os pacientes mais suscetíveis a outras doenças e infecções.

Quais são os sintomas da artrite reumatoide?

Os sintomas mais comuns da doença incluem dores nas articulações e inchaço nas juntas das mãos, pés, punhos e joelhos. Além disso, também pode causar mal-estar, rigidez nas articulações, febre baixa, cansaço e perda de peso.

Um dos principais sintomas da artrite reumatoide é a dor em diferentes juntas. (Fonte: True Touch Lifestyle/Shutterstock/Reprodução)
Um dos principais sintomas da artrite reumatoide é a dor em diferentes juntas. (Fonte: True Touch Lifestyle/Shutterstock/Reprodução)

A importância do diagnóstico precoce

Não existe cura para a artrite reumatoide, pois ela é uma doença crônica. A descoberta e o tratamento precoce ajuda os pacientes a diminuir a intensidade dos sintomas, e levarem uma vida dentro da normalidade. 

Além disso, o condicionamento físico através de atividades aeróbicas, alongamentos, relaxamento e programas de flexibilidade é fundamental para garantir a qualidade de vida dos pacientes. Dependendo do quadro é importante que os exercícios sejam acompanhados por fisioterapeutas ou terapeutas ocupacionais.

Como é a dor da artrite reumatoide?

Pacientes descrevem a dor da artrite reumatoide como “agulhadas” nas juntas, o que pode fazer com que as atividades mais simples, como segurar e levantar um copo se tornem impossíveis. A dor também tende a piorar com o repouso, por isso muitos pacientes sentem uma forte rigidez matinal, que vai melhorando ao longo do dia.

Qual é a expectativa de vida para quem tem artrite reumatoide?

Atualmente a expectativa de vida de pacientes com artrite reumatoide é a mesma da população geral. Entretanto, é fundamental que os pacientes procurem ajuda médica, mantenham uma dieta equilibrada e realizem a prática regular de exercícios físicos.

Como a doença pode afetar órgãos internos além das juntas, quadros de outras doenças associadas podem acontecer. Uma pesquisa da Universidade de Toronto, no Canadá, divulgou que as maiores causas de morte em pacientes com artrite reumatoide são doenças cardiovasculares, pneumonia e câncer. 

Outras pesquisas já haviam demonstrado que esses pacientes podem desenvolver mais facilmente colesterol alto e hipertensão, por isso é importante redobrar o cuidado com a alimentação e ter um estilo de vida saudável.

Fonte: Creb, Dráuzio Varella, Revista Galileu, Sociedade Brasileira de Reumatologia, Tua saúde, Hospital São Matheus, Rede D’or São Luiz.

Este conteúdo foi útil para você?

110330cookie-checkArtrite reumatoide: cientistas desenvolvem vacina experimental