Quais são os benefícios do cochilo, de acordo com a ciência?

5 de outubro de 2021 4 mins. de leitura
Cochilos não aliviam os efeitos da privação de sono, mas podem ajudar a melhorar a memória, criatividade e capacidade de resolver problemas

Conheça o maior e mais importante evento do setor de saúde do Brasil.

Uma soneca depois do almoço ou em outras horas do dia é um hábito adotado por muita gente na tentativa de “recarregar as baterias” e continuar ativo para tarefas cotidianas. Pessoas em grupos de diferentes idades, em especial crianças e idosos, geralmente precisam de mais sonecas do que outras.

No entanto, os cientistas do sono alertam que o cochilo deve ser feito com cautela para garantir efeitos benéficos à saúde. Do contrário, o cochilo pode fazer mal. Dormir períodos curtos de forma inadequada pode provocar preguiça, enxaqueca e deixar o raciocínio mais lento.

O recurso não pode ser utilizado para suprir a privação do sono durante a noite. Além de não propiciar uma devida reparação, a soneca descuidada pode causar mais insônia, e ainda, sonolência e cansaço ao longo do dia seguinte, tendo o efeito inverso ao desejado.

O tempo certo de um cochilo

Se necessário, utilize um despertador para cochilar no tempo certo para garantir os benefícios à saúde. (Fonte: Shutterstock/fizkes/Reprodução)
Se necessário, utilize um despertador para cochilar no tempo certo para garantir os benefícios à saúde. (Fonte: Shutterstock/fizkes/Reprodução)

A duração ideal do cochilo, no entanto, pode variar de pessoa para pessoa, mas a maioria dos profissionais concorda que cochilos mais curtos são melhores se o objetivo de uma pessoa é acordar se sentindo revigorado e alerta. 

A Sleep Foundation dos EUA recomenda uma soneca de 20 minutos. Isso não significa que cochilos mais longos não sejam bem-vindos. Um estudo realizado por cientistas da Alemanha, Canadá e Tunísia, publicado na revista Physiology & Behavior, aponta que sonecas de 25, 35 e até 45 minutos reduziram significativamente os sinais de estresse e fadiga em homens fisicamente ativos. Também melhorou sua atenção e desempenho físico.

Inscreva-se agora para o mais relevante evento de saúde do Brasil. É online e gratuito!

Entretanto, os cientistas concordam que sonecas mais longas podem ser prejudiciais. Cochilos de mais de 60 minutos estão associados a um risco 30% maior de morte por todas as causas e aumento de 34% na probabilidade de doença cardiovascular em comparação com a ausência de sonecas, aponta um estudo apresentado no Congresso da Sociedade Europeia de Cardiologia.

Benefícios da soneca

O impulso homeostático do sono é o termo técnico para a sensação de pressão para dormir. Quando acordamos de uma boa noite de sono, o impulso de sono homeostático está baixo. A pressão aumenta lentamente ao longo do dia até a hora de dormir, quando sentimos sono. Dormir à noite diminui a pressão do sono e o ciclo recomeça no dia seguinte.

Cochilar durante o dia diminui o impulso homeostático do sono, o que pode nos ajudar a nos sentirmos mais acordados e a ter um melhor desempenho. Como resultado, cochilar traz benefícios como:

  • redução da sonolência;
  • melhoria do aprendizado;
  • auxilia a formação da memória;
  • regula emoções.

Como cochilar de forma saudável

Evite cochilar de forma desconfortável, pois isso pode prejudicar a sua saúde. (Fonte: Shutterstock/fizkes/Reprodução)

Além do tempo correto, cochilar de forma saudável envolve uma série de ações de cuidado com o sono. Confira as recomendações da Sleep Foundation:

  • A duração ideal de um cochilo é de cerca de 15 a 30 minutos, tempo suficiente para descansar sem entrar em sono profundo e sentir o torpor associado.
  • A chave para praticamente todo sono saudável é a regularidade. Você deve tentar tirar uma soneca todos os dias, inclusive nos dias em que não está trabalhando.
  • Você deve tentar não cochilar depois das 15h. Cochilos tardios podem atrapalhar sua rotina de sono e tornar mais difícil conseguir dormir.
  • Escolha um local o mais silencioso, tranquilo e escuro possível e torne-o fisicamente confortável o suficiente para relaxar.  

Não perca nenhuma novidade sobre a área da Saúde no Brasil e no mundo. Inscreva-se em nossa newsletter.

Fonte: Physiology & Behavior, Sleep Foundation, Sleep, Medical News Today, Sociedade Europeia de Cardiologia.

Este conteúdo foi útil para você?

103570cookie-checkQuais são os benefícios do cochilo, de acordo com a ciência?