Saúde da mulher: a importância em cada fase da vida - Summit Saúde

Saúde da mulher: a importância em cada fase da vida

28 de maio de 2023 4 mins. de leitura

Mês de maio celebra datas importantes que alertam sobre a saúde feminina

Publicidade

Em maio, os profissionais da saúde celebram duas datas importantes para a saúde da mulher. Tanto o Dia Internacional de Luta pela Saúde da Mulher quanto o Dia Nacional de Redução da Mortalidade Materna acontecem em 28 de maio e servem para relembrar os cuidados específicos de saúde de que as mulheres precisam.

Por isso, o Summit Saúde preparou este artigo para alertar sobre as principais doenças que afetam as mulheres e os cuidados médicos necessários em cada fase da vida.

As doenças mais recorrentes em mulheres

1. Câncer de mama

O câncer de mama é uma das doenças mais perigosas para as mulheres. Segundo dados do Instituto Nacional de Câncer (INCA), mais de 66 mil casos foram registrados no Brasil em 2020 — um aumento de quase 10% com relação ao ano de 2021. A incidência é de mais de 43 diagnósticos a cada 100 mil mulheres brasileiras.

Em números totais são quase 18 mil mortes por ano, o que torna o câncer de mama a neoplasia mais letal para mulheres. Por isso, é importante tomar todos os cuidados de prevenção e estar atento às campanhas das autoridades de saúde, como é o caso do Outubro Rosa.

A prevenção adequada pode aumentar em até 90% as chances de cura.

Outubro Rosa alerta mulheres sobre a importância da prevenção do câncer de mama

Outubro Rosa alerta mulheres sobre a importância da prevenção do câncer de mama. (Fonte: Getty Images/Reprodução)

2. HPV/câncer do colo do útero

Outra neoplasia bastante comum em mulheres é o câncer do colo do útero, que afeta mais de meio milhão de pessoas no mundo por ano, com um alto grau de mortalidade. O principal responsável pela criação do tumor é uma infecção gerada pelo Papiloma Vírus Humano (HPV).

Embora existam mais de 100 tipos de HPV, os tipos 16 e 18 são responsáveis por mais de 70% do número total de cânceres no colo do útero. A transmissão do vírus ocorre por meio de relação sexual desprotegida, mas não costuma ser muito perigosa para homens.

3. Doença de Alzheimer

A doença ou o mal de Alzheimer é um dos tipos de demência mais comuns no mundo todo. Apesar de afetar pessoas de ambos os sexos, cerca de dois terços dos casos ocorrem em mulheres, o que acende um alerta no que se refere a cuidados preventivos.

Parte dessa proporção se deve à maior longevidade das mulheres, mas alguns estudos também indicam que a queda dos níveis de estrogênio após a menopausa opera um papel importante nesse processo.

Leia também:

O cuidado em cada fase da vida

O corpo feminino apresenta diversas particularidades, e isso demanda cuidados especiais em diferentes fases da vida. O início do período menstrual, na adolescência, é um momento importante e demanda orientações de um ginecologista. As alterações hormonais e corporais podem ser bastante desafiadoras.

A maternidade é outra fase bem sensível. A saúde do feto está diretamente ligada à da mulher, o que acarreta a necessidade de cuidados especiais durante a gestação e o parto. O acompanhamento com um médico obstetra é fundamental para todas as etapas da gravidez, desde as primeiras semanas até o puerpério.

Por fim, a menopausa e a fase idosa da vida de uma mulher também não podem ser negligenciadas do ponto de vista dos cuidados de saúde. As mudanças hormonais, assim como na adolescência, podem provocar vários desafios nessa transição, portanto endocrinologistas e geriatras têm papéis fundamentais.

É sempre bom lembrar que o acompanhamento com um ginecologista deve ocorrer ao longo de toda a vida da mulher. Além disso, uma dieta balanceada e a prática regular de atividades físicas são recomendadas para uma melhor qualidade de vida.

Fonte: Prefeitura de SP, Clínica AMO, Inca

173020cookie-checkSaúde da mulher: a importância em cada fase da vida

Webstories