Triagem virtual identifica medicamentos para inibir covid-19 - Summit Saúde

Triagem virtual identifica medicamentos para inibir covid-19

20 de janeiro de 2021 3 mins. de leitura

Segundo nova estratégia tecnológica, medicamento utilizado para tratamento de linfomas tem potencial para combater coronavírus

Publicidade

Em um artigo publicado na revista PLOS Computational Biology, pesquisadores do Instituto de Tecnologia Avançada de Shenzhen, na China, apresentaram uma nova proposta para encontrar medicamentos capazes de inibir a covid-19 no organismo humano enquanto as vacinas não estão disponíveis em larga escala para a população.

Triagem virtual testou 1.906 medicamentos contra Sars-CoV-2. (Fonte: Shutterstock)
Triagem virtual testou 1.906 medicamentos contra Sars-CoV-2. (Fonte: Shutterstock)

Os especialistas descobriram que a triagem virtual poderia ser utilizada para simular como diferentes medicações interagem com o Sars-CoV-2 e fornecer um relatório completo para testes em estudos clínicos. Para isso, o cientista Haiping Zhang e seus colegas combinaram diversas técnicas computadorizadas para avaliar 1.906 medicamentos com potencial de inibir a proteína replicada de RNA (RdRP), a qual ajuda na replicação do vírus.

Inibição do Sars-CoV-2

Após a nova abordagem de triagem, os cientistas identificaram dois medicamentos que se mostraram promissores contra o Sars-CoV-2 em laboratório:

  • pralatrexato;
  • azitromicina.

Vale ressaltar que o pralatrexato é um medicamento quimioterápico e pode causar efeitos colaterais significativos. Mesmo com a incerteza sobre o uso futuro da droga, Zhang fez questão de explicar a importância do projeto: “Nós demonstramos o valor de nossa nova abordagem híbrida que combina tecnologias de aprendizado profundo com simulações mais tradicionais de dinâmica molecular”.

Na próxima etapa, a equipe pretende utilizar tecnologia computadorizada para gerar novos modelos moleculares que poderiam ser usados no desenvolvimento de medicamentos completamente novos para o tratamento da covid-19.

Tratamento para a covid-19

Maioria dos casos de covid-19 pode ser tratada sem auxílio de medicamentos. (Fonte: Shutterstock)
Maioria dos casos de covid-19 pode ser tratada sem auxílio de medicamentos. (Fonte: Shutterstock)

Ainda sem cura, o tratamento da covid-19 é feito de diferentes formas, dependendo da severidade da infecção apresentada pelo paciente. De acordo com um estudo feito na Universidade de Exeter (Reino Unido), 80% das pessoas infectadas pelo novo coronavírus desenvolvem apenas uma infecção leve, o que significa que na maioria das vezes não há necessidade de os enfermos serem internados, já que conseguem se recuperar sem qualquer tipo de tratamento específico.

Nesses casos, o Ministério da Saúde recomenda que as pessoas se mantenham dentro de casa para evitar a disseminação da covid-19, realizando repouso e apostando na hidratação. Apesar de não causarem inibição do Sars-CoV-2, medicamentos como antitérmicos e analgésicos também podem ser utilizados para ajudar no tratamento de dor corporal e febre. 

Na persistência dos sintomas por períodos prolongados, o ideal é que o indivíduo busque assistência médica e inicie o tratamento em ambiente hospitalar o mais rápido possível, para evitar o agravamento do quadro. É essencial que pacientes e familiares estejam atentos para os sinais de gravidade da covid-19, como falta de ar, dor persistente no peito e coloração azulada dos lábios.

O melhor método de prevenção ao novo coronavírus segue sendo as medidas de isolamento social, evitando aglomerações e sempre utilizando máscara e álcool em gel para diminuir as chances de infecção.

Conheça o maior e mais relevante evento de saúde do Brasil

Fonte: Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais, Câmara Municipal de São Paulo, UpToDate, PubMed, Science Daily.

82760cookie-checkTriagem virtual identifica medicamentos para inibir covid-19

Webstories