Como ajudar uma pessoa com ansiedade? - Summit Saúde

Como ajudar uma pessoa com ansiedade?

25 de maio de 2023 4 mins. de leitura

Ações simples podem ser fundamentais no combate à doença

Publicidade

A ansiedade é uma das doenças mais preocupantes da atualidade. O número de casos continua crescendo em todo o mundo, e no Brasil isso não é diferente. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), cerca de 9,3% da população brasileira possui transtorno de ansiedade, ou seja, é o País com a população mais ansiosa do mundo. Em números totais, isso representa mais de 18 milhões de pessoas.

Portanto, mesmo que você não passe por problemas de ansiedade, é muito provável que conheça alguém que esteja enfrentando essa condição. Neste artigo, nós vamos apresentar algumas boas práticas para ajudar você ou alguém que esteja lidando com a doença.

Como ajudar uma pessoa ansiosa?

É sempre importante lembrar que, em casos graves da doença, é preciso realizar acompanhamento médico regular e cuidadoso. Porém, é importante saber como lidar com uma crise, ou mesmo realizar pequenas ações para mitigar os danos.

1. Evite reações raivosas

Ao lidar com uma pessoa ansiosa, é preciso entender que atitudes hostis podem piorar a situação. Nem tudo que foi dito ou feito está no controle do paciente, o que faz com que reações violentas piorem a condição, que já é complicada.

2. Incentivo à prática de atividades físicas

Estudos recentes mostram que a atividade física é o melhor remédio contra a depressão e a ansiedade. Portanto, antes de buscar remédios controlados ou soluções mirabolantes, uma simples mudança de hábitos pode ser um grande ponto de melhora para a pessoa ansiosa.

Exercícios físicos são parte fundamental do combate à ansiedade
Exercícios físicos são parte fundamental do combate à ansiedade. (Fonte: Getty Images/Reprodução)

3. Converse sobre terapia

Além de procurar um psiquiatra, pode ser importante realizar uma consulta com um psicólogo para entender a fonte da ansiedade. Embora muitas pessoas vejam a terapia como um gasto desnecessário ou algo pouco eficiente, é importante lembrar que é muito mais difícil lidar com essa doença sozinho.

O contato com amigos e parentes também é importante, mas não substitui o acompanhamento especializado de um profissional. Por isso, é importante mostrar para quem está lidando com a doença que a terapia possui comprovação científica, e seu uso é embasado em diversos estudos.

Leia mais:

4. Ajude a controlar o abuso de substâncias

Ao se deparar com uma doença psicológica, como a ansiedade, é comum que muitos pacientes busquem conforto e alento em substâncias que alterem a percepção da realidade. Pode ser com o abuso de álcool, drogas ou remédios não prescritos, por exemplo.

Estar ao lado dessa pessoa para ajudar no controle do uso dessas substâncias é fundamental para que o quadro não se agrave, ajudando também a evitar possíveis comportamentos autodestrutivos.

Álcool e outras substâncias podem potencializar os sintomas da ansiedade
Álcool e outras substâncias podem potencializar os sintomas da ansiedade. (Fonte: Getty Images/Reprodução)

5. Ajude na respiração

Durante uma crise, um dos primeiros sintomas é a falta de respiração adequada. É comum que o afetado se desespere e não consiga oxigenar o corpo de maneira adequada, entrando em um ciclo vicioso.

Por isso, você pode ajudar a pessoa a controlar a respiração nesse momento, incentivando inspirações mais longas, profundas e ritmadas.

6. Entenda o entorno

Muitas vezes, o desenvolvimento da ansiedade está diretamente ligado ao ambiente e fatores externos ao paciente. Por isso, é interessante que você identifique possíveis causas da doença e, aos poucos, torne o entorno dessa pessoa mais suportável e agradável.

Fonte: Tec Mundo, Pepsic

170891cookie-checkComo ajudar uma pessoa com ansiedade?

Webstories